Laboratório de Multilinguagens


Proposta Laboratório de Multilinguagens

Objetivo

Professora: Marcia Dória

Nos inspiramos na pesquisa de Malaguzzi, precursor da hoje conhecida e difundida “inspiração Reggio” e defensor da pedagogia da escuta ativa; ele a relacionava ao debate acerca da linguagem oral e escrita, mas também ao estudo do cérebro e às ideias sobre os processos de aprendizagem (“aprender fazendo” de Dewey).

“Crianças e Jovens estão cada vez mais conectados às tecnologias digitais, configurando-se como uma geração que estabelece novas relações com o conhecimento e que, portanto, requer que transformações aconteçam na escola”. (Ensino Híbrido-2017-Lilian Bacich, Adolfo T. Neto e Fernando M. Trevisani- organizadores) Através da utilização do computador no processo educacional, diversas habilidades podem ser desenvolvidas, contribuindo na formação integral das crianças.

“A proposta de utilizar os computadores no processo educativo desde as séries iniciais é de “ampliar a escola”, revolucionar a educação e reformular a mente das crianças”. (Pappert, 1980).

Nosso objetivo é que as crianças, desde cedo, experimentem aulas mais criativas, motivadoras, dinâmicas, que as envolvam e que novas descobertas e aprendizagens sejam feitas, proporcionando-lhes autonomia, curiosidade, cooperação e socialização. Na Tic Tic Tac, trabalham-se os conteúdos escolares em projetos, de forma atraente e criativa para as crianças.

PROPOSTA DA SALA DE MULTILINGUAGES

Na aula, o trabalho é realizado em pequenos grupos de crianças. Essa dinâmica estimula a troca e o convívio com todos. Além dessa dinâmica, são usadas algumas ferramentas, que contribuem para a formação de atitudes solidárias e respeitosas para com o outro.

Iniciamos apresentando o computador por dentro e por fora; tirando fotos com o celular; usando o gravador do Windows e o microscópio USB.

A sala de Multilinguagens é um espaço de brincadeira, para construir com: luzes, sons, blocos e muitos outros materiais analógicos e digitais. Integrando os materiais artificiais com as ferramentas tecnológicas disponíveis, proporcionamos às crianças, a experiência de criação e autoria, a partir dessa brincadeira tão própria da faixa etária.

As atividades da sala de Multilinguagens são integradas tanto ao PROJETO DESENVOLVIDO DURANTE O ANO, como ao planejamento específico dos grupos IV e V. Parcerias são feitas com as professoras de sala e com os outros professores complementares.

Sugestões de Sites

1 – Discovery Kids tem vídeos jogos, atividades e concursos, que envolvem os personagens dos desenhos animados do canal.

Para quem: assim como o canal, o site tem atividades para crianças de 0 a 6 anos. Mas, como há muita leitura, é importante que os pais naveguem junto com o filho.

2 – Jogos para Crianças apresenta jogos que podem estimular as crianças quanto ao raciocínio, concentração e artes. O seu foco maior é a diversão, mas pode proporcionar ganhos educacionais indiretos.

Para quem: os jogos são indicados para crianças que estejam entre os 5 e os 8 anos de idade. Abaixo dessa faixa etária, fica um pouco mais difícil o manuseio e a diversão. Para os mais velhos, há a perda de interesse e a busca por algo mais elaborado, rápido e desafiador.

3 – Ruth Rocha, especializada em orientação educacional e literatura infantil, contém algumas atividades interativas sobre leitura. Também, estão disponíveis no site as capas das obras da escritora e algumas fotos que permitem ao internauta conhecer um pouco mais sobre a vida de Ruth Rocha.

Para quem: os sites são recomendados para crianças de 5 a 7 anos.

4 – TV Rá Tim Bum, da TV Cultura, tem jogos, imagens, programas de rádio, vídeos e atividades interativas com os temas dos programas infantis da emissora. Além disso, há uma agenda com diversos eventos educativos e uma área exclusiva para pais.

Para quem: mais indicado para crianças em fase pré-escolar e pré-alfabetização.




Aulas


Artes (2)

Artes Visuais

Inglês (14)

Inglês

Ambiental

Interação Ambiental - Patricia Ibrahim

Ambiental

Educação Ambiental - Aline Rosseto

X